2022-02-07

O antes e o depois. Um romance de Álvaro Laborinho Lúcio.

Há um antes e um depois da madrugada que tudo mudou nas ambições e expectativas de um país. São noventa anos separados por uma revolução que servem de pano de fundo para o novo romance de Álvaro Laborinho Lúcio, protagonizado por João Aurélio e Catarina. Na manhã em que Maria Antónia dá à luz, renasce um país de um longo período de trevas. As Sombras de Uma Azinheira chega às livrarias a 10 de fevereiro.

Partilhar:

A almejada revolução e o nascimento da criança perdem todo o significado para João Aurélio no momento em que se cumprem. Distante da vida dos vivos, o pai mergulha no isolamento e na loucura, na obsessão do passado e da morte. Longe dele, a filha procura saber quem realmente é, no que faz e se propõe fazer, com tudo o que isso implica: liberdade, incerteza, contradição, dúvida, risco. Em paralelo, a jovem vida em democracia do país procura desenvolver-se, libertando-se dos seus atavismos históricos e de um passado idealista.

Portugal, nos quarenta e cinco antes que antecederam o 25 de Abril, contado através da história familiar e política de João Aurélio. E Portugal, nos quarenta e cinco anos que se seguiram à revolução, narrado pelo percurso indagador de Catarina.

Este site utiliza cookies para lhe proporcionar uma melhor experiência de navegação. Ao navegar estará a consentir a sua utilização. Saiba mais sobre a nossa política de privacidade. Tomei conhecimento e não desejo visualizar esta informação novamente.

OK