O policial da Gronelândia está de volta.

À Flor das Águas
Christoffer Petersen, o pseudónimo do autor que alia o clima gélido da Gronelândia ao tom de intriga e crime do género policial, lança o mistério com mais um enigma difícil de decifrar em À Flor das Águas. Chega às livrarias a 8 de agosto, com tradução de Lucília Filipe.

2021-07-26 / Depois de Um Inverno, Sete Sepulturas, que a Quetzal publicou em 2019, o regresso do (...)

O Livro dos Seres Imaginários_160.jpg
Chega esta semana às livrarias a reedição de O Livro dos Seres Imaginários, de Jorge Luis Borges, uma das obras mais originais e fascinantes do autor argentino, uma reinvenção do mundo construída a partir de um bestiário moderno. A edição da Quetzal dá continuidade à série de novas capas retiradas do tríptico As Tentações de Santo Antão, do pintor Hieronymus Bosch, exposto no Museu Nacional de Arte Antiga, em Lisboa, e tem tradução de Cristina Rodriguez e Artur Guerra.

2021-07-20 / O Livro dos Seres Imaginários é um extraordinário catálogo de cento e dezasseis seres (...)

Manuel Alberto Valente distinguido com a Ordem de Isabel a Católica.

Poesia Reunida
A Quetzal tem o prazer de anunciar que o poeta e editor Manuel Alberto Valente, de quem publicámos a Poesia Reunida – O Pouco Que Sobrou de Quase Nada, acaba de ser agraciado pelo Reino de Espanha com a Ordem de Isabel a Católica, «por toda a sua relevante trajetória e apoio aos autores e, em geral, à literatura em espanhol».

2021-07-14 / A entrega da condecoração realizar-se-á amanhã, dia 15, às 18h30, na Embaixada de Espanha (...)

Com Paul Theroux, em busca do segredo da viagem.

Figuras numa Paisagem
Entre 2001 e 2016, Paul Theroux reuniu trinta ensaios que mostram muito do que um dos mais afamados escritores de viagens retira das suas experiências pelo mundo ao longo dos anos. Figuras numa Paisagem chega amanhã às livrarias, com tradução para português de Telma Costa.

2021-07-07 / Numa sequência de grandes lugares, pessoas e livros, este conjunto de textos (...)

Poesia de José Luís Peixoto e tradução de Frederico Lourenço conquistam Prémios Bertrand.

2021-07-07 / A Quetzal foi distinguida não com um, nem com dois, mas com três galardões na quinta edição do primeiro prémio literário atribuído por leitores e livreiros, o Prémio Livro do Ano Bertrand, na categoria de Poesia. Regresso a Casa, de José Luís Peixoto, foi escolhido como o melhor livro de poesia tanto por leitores como por livreiros. Poesia Grega, com tradução de Frederico Lourenço, ficou em segundo lugar nas escolhas dos livreiros para a mesma categoria.

Mais Notícias

Este site utiliza cookies para lhe proporcionar uma melhor experiência de navegação. Ao navegar estará a consentir a sua utilização. Saiba mais sobre a nossa política de privacidade. Tomei conhecimento e não desejo visualizar esta informação novamente.

OK