Um Jantar a Mais

Um Jantar a Mais

Um eterno nomeado para o Prémio Nobel da Literatura.
ISBN: 9789725648834
Edição/reimpressão: 07-2010
Editor: Quetzal Editores
Código: 000068000109
Coleção: Serpente Emplumada
ver detalhes do produto
5,00€ I
-10%
PORTES
GRÁTIS
COMPRAR
-10%
PORTES
GRÁTIS
5,00€ I
COMPRAR
I 10% DE DESCONTO EM CARTÃO
I Envio até 4 dias
I PORTES GRÁTIS

SINOPSE

Gjirokastër —a cidade de pedra no sul da Albânia—vê desfilar as tropas alemãs que regressam da Grécia ocupada. Quem as comanda é um coronel nazi que em tempos fora colega de um dos dignitários da cidade—o Dr. Gurameto —na Alemanha. O reencontro do coronel von Schwabe com o seu antigo condiscípulo é efusivo e este convidao para jantar.
Mas eis que os resistentes abrem fogo sobre a frente de blindados alemães, e, como represália, os nazis capturam reféns entre os habitantes da cidade.
Sob pena de passar por traidor aos olhos da população, durante o jantar com o estado-maior alemão, o Dr. Gurameto, tenta persuadir o coronel de os libertar —de entre eles, um farmacêutico judeu. E ganha a causa.
Após o fim da guerra, e depois de instaurado o comunismo, este caso volta à discussão. E no momento em que no bloco comunista a paranoia estalinista atinge o seu apogeu, a libertação do farmacêutico judeu pelo coronel nazi transforma Girokäster no centro do complot planetário para a decapitação dos países socialistas…
Ver Mais

CRÍTICAS DE IMPRENSA

«Kadaré tem sido comparado a Gogol, Kafka e Orwell. Mas, a originalidade da sua voz é universal, enquanto radica profundamente no seu solo pátrio.» Magazine Litteraire

DETALHES DO PRODUTO

Um Jantar a Mais
ISBN: 9789725648834
Edição/reimpressão: 07-2010
Editor: Quetzal Editores
Código: 000068000109
Coleção: Serpente Emplumada
Idioma: Português
Dimensões: 149 x 228 x 10 mm
Encadernação: Capa mole
Tipo de Produto: Livro
Ismaïl Kadaré nasceu em 1936, em Gjirokastra, no Sul da Albânia. Estudou em Tirana e em Moscovo no Instituto Gorky. Após a ruptura do seu país com a União Soviética, em 1960, iniciou uma actividade jornalística e publicou os seus primeiros poemas. Entre 1970 e 1982 foi deputado da Assembleia Popular de Tirana, tendo em Outubro de 1990 obtido asilo político em França. É o mais conhecido escritor albanês e as suas obras estão traduzidas em diversas línguas. De entre as seus livros mais importantes, destacam-se, os romances: O General do Exército Morto (1963), Crónica da Cidade de Pedra (1971), Os Tambores da Chuva (1972), O Concerto (1988), e já editados pelas Publicações Dom Quixote, Abril Despedaçado (1978), adaptado ao cinema pelo realizador brasileiro Walter Salles, autor do filme Central do Brazil, O Palácio dos Sonhos (1981), A Pirâmide (1992), e selecção de textos Três Contos Fúnebres pelo Kosovo (1998). Em Junho de 2005, Kadaré foi galardoado com o primeiro Man Booker International Prize pela sua carreira literária.
Ver Mais

Este site utiliza cookies para lhe proporcionar uma melhor experiência de navegação. Ao navegar estará a consentir a sua utilização. Saiba mais sobre a nossa política de privacidade. Tomei conhecimento e não desejo visualizar esta informação novamente.

OK