Mas é Bonito

Prémio Somerset Maugham
ISBN: 9789897221538
Edição/reimpressão: 04-2014
Editor: Quetzal Editores
Código: 000068000466
Coleção: Serpente Emplumada
ver detalhes do produto
15,50€ I
12,40€ I
-20%
24H
PORTES
GRÁTIS
EM
STOCK
COMPRAR
-20%
PORTES
GRÁTIS
EM
STOCK
15,50€ I
12,40€ I
COMPRAR
I 20% DE DESCONTO IMEDIATO
I Em stock - Envio 24H
I PORTES GRÁTIS

SINOPSE

Plano Nacional de Leitura
Livro recomendado para a Formação de Adultos como sugestão de leitura.

A partir do modo como ouve o jazz de Charles Mingus, Thelonious Monk, Bud Powell, Art Pepper, Chet Baker, entre outros, e a partir de uma série de fotografias de músicos e formações, Geoff Dyer improvisa e ficciona oito variações como se fossem, cada uma delas mas também em conjunto, um romance. Nas palavras de Keith Jarrett, este é o melhor livro de jazz que ele alguma vez leu. Um livro sobre jazz, improviso e domadores de feras.
Ver Mais

CRÍTICAS DE IMPRENSA

«Geoff Dyer é um escritor que conseguiu devolver a escrita ao escrever.»
Miguel Esteves Cardoso

«De jazz, de standards e das suas declinações trata este peculiar livro que esboça, num registo solto, poético e subjetivo, os retratos de alguns gigantes do jazz, de vidas atormentadas ou trágicas […]»
Time Out

«Todo este livro é jazz. […] O mais incrível é que tudo se relaciona na perfeição. […] Se depois de ler umas páginas não tiver curiosidade de escutar os protagonistas no seu habitat natural é porque algo não está bem.»
Jornal i

«Geoff Dyer traça o perfil de uma série de músicos de jazz que são incontornáveis. As suas descrições são pequenas obras-primas da prosa. É isto que torna este Mas É Bonito um dos mais fascinantes livros sobre jazz.»
Jornal de Negócios

«Neste fascinante livro, o autor deixa de ser escritor e torna-se músico para descrever o seu maior amor: o jazz.»
Elle

«Esboçando a partir da forma como ouve a música de Mingus, Monk, Bud Powell, Art Pepper e de fotografias-chave destes, Dyer construiu oito variações, cada uma como um romance altamente concentrado. (…) O resultado é brilhante (…)»
Independent on Sunday

«O único livro sobre jazz que alguma vez recomendei aos meus amigos. Uma pequena joia.»
Keith Jarrett

«Mas É Bonito é simplesmente isso. Um tributo comovente e muitíssimo original à música negra americana.»
Bryan Ferry

«Muito bonito: um livro engenhoso e brilhante.»
New York Times

«Provavelmente o melhor livro que alguma vez se escreveu sobre jazz.»
Los Angeles Times Book Review

DETALHES DO PRODUTO

Mas é Bonito
ISBN: 9789897221538
Edição/reimpressão: 04-2014
Editor: Quetzal Editores
Código: 000068000466
Coleção: Serpente Emplumada
Idioma: Português
Dimensões: 149 x 233 x 18 mm
Encadernação: Capa mole
Páginas: 224
Tipo de Produto: Livro

sobre Geoff Dyer

Geoff Dyer nasceu em Inglaterra, em 1958. É romancista e crítico, e um dos mais originais e talentosos escritores contemporâneos do Reino Unido. A sua escrita reparte-se entre estudos críticos, coletâneas de ensaios e títulos de género indefinível sobre jazz, fotografia, cinema e literatura. Foi finalista e galardoado com numerosos prémios: Somerset Maugham Award, John Llewellyn Rhys Prize, National Book Critics Circle Award, E.M. Forster Award da Academia Americana de Artes e Letras, International Center of Photography Award, entre outros.
Depois de Yoga para Pessoas Que Não Estão para Fazer Yoga, publicado em 2013, e de Mas É Bonito, publicado em 2014, a Quetzal dá continuidade à divulgação dos apaixonantes livros de Geoff Dyer com Areias Brancas.
Ver Mais

QUEM COMPROU TAMBÉM COMPROU

Este site utiliza cookies para lhe proporcionar uma melhor experiência de navegação. Ao navegar estará a consentir a sua utilização. Saiba mais sobre a nossa política de privacidade. Tomei conhecimento e não desejo visualizar esta informação novamente.

OK