A Sociedade dos Sonhadores Involuntários

A Sociedade dos Sonhadores Involuntários

Formatos disponiveis
17,70€
14,16€
-20%
24H
PORTES
GRÁTIS
EM
STOCK
COMPRAR
-20%
PORTES
GRÁTIS
EM
STOCK
17,70€
14,16€
COMPRAR
I20% DE DESCONTO IMEDIATO
IEm stock - Envio 24H
IPORTES GRÁTIS

SINOPSE

O jornalista angolano Daniel Benchimol sonha com pessoas que não conhece. Moira Fernandes, artista plástica moçambicana, radicada em Cape Town, encena e fotografa os próprios sonhos. Hélio de Castro, neurocientista brasileiro, filma-os. Hossi Kaley, hoteleiro, antigo guerrilheiro, com um passado obscuro e violento, tem com os sonhos uma relação ainda mais estranha e misteriosa. Os sonhos juntam estas quatro personagens num país dominado por um regime totalitário à beira da completa desagregação.

A Sociedade dos Sonhadores Involuntários é uma fábula política, satírica e divertida, que desafia e questiona a natureza da realidade, ao mesmo tempo que defende a reabilitação do sonho enquanto instrumento da consciência e da transformação.
Ver Mais

DETALHES DO PRODUTO

A Sociedade dos Sonhadores Involuntários
ISBN:9789897223327
Edição/reimpressão:05-2017
Editor:Quetzal Editores
Código:000068000670
Idioma:Português
Dimensões:149 x 231 x 22 mm
Encadernação:Capa mole
Páginas:280
Tipo de Produto:Livro
Classificação Temática: Livros em Português > Literatura > Romance
José Eduardo Agualusa nasceu na cidade do Huambo, em Angola, a 13 de dezembro de 1960. Estudou Agronomia e Silvicultura. Viveu em Lisboa, Luanda, Rio de Janeiro e Berlim. É romancista, contista, cronista e autor de literatura infantil. Os seus romances têm sido distinguidos com os mais prestigiados prémios nacionais e estrangeiros, como, por exemplo, o Grande Prémio de Literatura RTP (atribuído a Nação Crioula, 1998); também os seus contos e livros infantis foram merecedores de prémios, como o Grande Prémio de Conto da APE e o Grande Prémio de Literatura para Crianças da Fundação Calouste Gulbenkian, respetivamente. O Vendedor de Passados ganhou o Independent Foreign Fiction Prize, em 2004, e, mais recentemente, o romance Teoria Geral do Esquecimento foi finalista do Man Booker International, em 2016, e vencedor do International Dublin Literary Award (antigo IMPAC Dublin Award), em 2017.
A partir de 2013, José Eduardo Agualusa começou a publicar a sua obra na Quetzal.
Ver Mais

Este site utiliza cookies para lhe proporcionar uma melhor experiência de navegação. Ao navegar estará a consentir a sua utilização. Saiba mais sobre a nossa política de privacidade. Tomei conhecimento e não desejo visualizar esta informação novamente.

OK