2019-01-28

Passa aí mais um bocadinho, que estou quase a ficar louco

Um thriller envolvente e carregado de desejo e sexo

Partilhar:
Ao contrário da conhecida canção, ninguém lhe disse um dia «Vicente, põe-te em guarda», mas mesmo assim é desse ritmo tão próprio de Sérgio Godinho que nasce o seu novo romance. «Estocolmo» é um thriller envolvente e carregado de desejo e sexo – em torno de uma história de dominação e perversidade. Um retrato duro de sujeição e prazer – e de todas as ambiguidades que quase sempre comportam as relações amorosas. Chega às livrarias a 1 de fevereiro.

Dois anos depois de «Coração Mais Que Perfeito», Sérgio Godinho traz-nos a história de uma vítima de sequestro que se apaixona pela sequestradora. Uma história que junta um inquilino (jovem estudante) e a sua senhoria (conhecida figura pública, pivô do telejornal das oito da noite). Com um ritmo alucinante e um registo que nos deixa sem fôlego, o autor leva-nos, capítulo a capítulo, numa viagem que marca o seu lugar como romancista.

Este site utiliza cookies para lhe proporcionar uma melhor experiência de navegação. Ao navegar estará a consentir a sua utilização. Saiba mais sobre a nossa política de privacidade. Tomei conhecimento e não desejo visualizar esta informação novamente.

OK