2023-01-09

Coisas à espera de vez.

O novo livro de João Luís Barreto Guimarães, recentemente distinguido com o Prémio Pessoa 2022, é o primeiro título que a Quetzal faz chegar às livrarias em 2023, já nesta quinta-feira, 12 de janeiro.

Partilhar:

Aberto Todos os Dias é o grande e auspicioso regresso do poeta e médico, que vive entre o rio, na Foz do Douro, e as colinas de Venade, no coração do Alto Minho. Os poemas de Aberto Todos os Dias foram escritos entre 2020 e 2022 no Porto, Leça da Palmeira, Venade, Torre da Medronheira e em algumas cidades dispersas pelo mapa da Europa.

Neste livro evocam-se os dias «do fechamento», mas também, finalmente, aquilo que está «aberto todos os dias» – aberto o livro, aberto o mundo –, aquilo que permanece vivo apesar das pandemias, do esquecimento ou da banalidade, das «coisas à espera de vez». João Luís Barreto Guimarães é um dos poetas portugueses mais publicados no estrangeiro e finalista de vários prémios internacionais. A sua obra resulta do apuramento de uma ironia raríssima entre nós, e de uma melancolia nascida das coisas simples e quotidianas, sem ficar preso às fronteiras de uma lírica confessional.

Este site utiliza cookies para lhe proporcionar uma melhor experiência de navegação. Ao navegar estará a consentir a sua utilização. Saiba mais sobre a nossa política de privacidade. Tomei conhecimento e não desejo visualizar esta informação novamente.

OK